<$BlogRSDURL$>

sexta-feira, abril 14, 2006

... e como não há 2 sem 3... os malefícios dos porros! 

O fumo do cânhamo contém sete vezes mais alcatrão e monóxido de carbono que o do cigarro normal, segundo uma revista francesa especializada no consumo desta droga, que calcula que «três cigarros de haxixe ou cannabis equivalem a um maço de tabaco».
A revista mensal francesa «60 milhões de consumidores», do Instituto Nacional do Consumo (INC), informa na edição desta segunda-feira os resultados de testes realizados com uma máquina de fumar para comparar as quantidades de nicotina, alcatrão, monóxido de carbono, benzeno e tolueno no fumo dos cigarros de cannabis e de tabaco.

O INC garante que colaborou com a missão governamental de luta contra as drogas, que forneceu a matéria-prima, e que obteve todas as autorizações para transportar e estar em posse das substâncias necessárias.

O teste foi feito a partir de erva e resina de cannabis. Para o mesmo foram confeccionados 280 cigarros.

A mistura de resina de cannabis e tabaco provoca a inalação de duas vezes mais benzeno e três vezes mais de tolueno, e inclusive com um cigarro de erva pura as quantidades de alcatrão e de monóxido de carbono ultrapassam as de um cigarro de tabaco, segundo as medidas.

A máquina de fumar utilizada para os testes é a mesma que serve para o tabaco com o objectivo de estabelecer as proporções de nicotina e alcatrão inscritas nos maços.

«Fumar três cigarros de cânhamo ou haxixe diariamente - o que é cada vez mais frequente - provoca os mesmos riscos de cancro ou doenças cardiovasculares do que fumar um maço de cigarros de tabaco», destaca a revista.

in Diário Digital
Manda para dentro da mala.

malefícios da jola... 

Beber cerveja aumenta o risco de cancro do pulmão, contrariamente ao vinho, que o reduz, revelou um estudo canadiano publicado esta semana na revista "Câncer Causes and Control".

Realizado a partir de dados recolhidos entre os anos 80 e 90, o estudo conclui que as pessoas que consomem seis cervejas ou mais por semana correm mais 20 a 50 por cento de risco de desenvolver um cancro no pulmão, uma situação atenuada entre aquelas que consomem regularmente frutas e legumes.

Pelo contrário, o consumo de vinho reduz em 40 por cento o risco de cancro do pulmão entre os homens e em 70 por cento entre as mulheres.

Estes resultados podem ser explicados pela diferença nos ingredientes que estão na base das duas bebidas alcoólicas ou ainda pelo modo de vida que se associa a cada um dos consumidores das respectivas bebidas alcoólicas.

Para chegarem a estas conclusões, os investigadores da Universidade McGill conseguiram isolar os factores de desenvolvimento do cancro do pulmão ligado ao tabaco graças a uma informação precisa sobre o consumo de tabaco entre as pessoas que compunham a amostra.

"O principal problema nos estudos anteriores sobre álcool e cancro do pulmão estava em conhecer o papel do tabagismo", declarou à agência France Press (AFP) a responsável pelo estudo, Andrea Benedetti, acrescentando que "as pessoas que bebem são também muitas vezes aquelas que fumam".

in Lusa
Manda para dentro da mala.

segunda-feira, abril 10, 2006

contributo da pior espécie 

se houvesse um prémio para o pior blog do mundo éramos campeões!

vamos começar a contar aqui as histórias da nossa vida para piorarmos isto ainda mais.

começo eu.

---------

10 de abril de 2006

levanto-me às 9h30. faço a higiene e vou trabalhar. quase nada para fazer de manhã. o sócrates está de visita à frança, o marques mendes jantou ontem no caia, aqui ao lado, e afinal, contas feitas, ninguém faz ideia de quantos bombeiros há em portugal. a manhã passa. vem a tarde.
agarro num carro e rumo à inspecção com o dito cujo, ali para os lados da zona industrial. a caminho, a morte cruza-se à minha frente e só pára depois de lhe buzinar e deixar 20 euros de pneu no alcatrão da variante. não foi desta.
15h, segurança social. apresentação de um programa inovador que permite aceder aos serviços da ss sem ir ao centro. descubro que já está a funcionar há um ano. será que me atrasei 365 dias ou é mais uma coisa sem sentido, daquelas que acontecem por cá? não importa.
19h45, sede do ps. alguém fala em animais e fica-se a saber que o ps consegue aprovar uma proposta na camara. baixinho, rezo para que aquilo acabe depressa. acaba.
trabalho feito, rumo a casa. à espera, um prato de sopa de espinafres, outro de caldeirada.
as últimas horas são queimadas à frente de um computador, depois a ler, a seguir tempo para escrever uma carta. à espera que o amanhã chegue.
Manda para dentro da mala.

quarta-feira, abril 05, 2006

Num passeio por Londres ... 

Image hosting by Photobucket
Manda para dentro da mala.

A Diana voltou! 

Image hosting by Photobucket
Manda para dentro da mala.

This page is powered by Blogger. Isn't yours?